Escolhendo o Parceiro de Negócios Certo

Tempo de leitura: 5 minutos

Nesta terceira e última lição que faz parte da série: 3 lições para criar sua ideia de negócio do zero.
Vamos responder:
Como um parceiro pode auxiliar meu negócio?
O que fatores eu devo considerar ao escolher um parceiro de negócios?
Que fatores eu devo considerar ao estruturar minha parceria?

Imagine que Ana treina e cria papagaios. Ela é realmente boa nisso, então ela está tentando começar um negócio. Mas, como um empreendedora de primeira viagem, ela quer encontrar um parceiro. Ana tem algumas pessoas em mente. Há seu amigo, Pablo, que também é um treinador talentoso. Ele nunca se envolveu em uma pequena empresa, mas quer tentar. Tem também a sua cunhada, Gabriela, que é uma treinadora de furões. Ela nunca trabalhou com papagaios, mas ela tem muita experiência na área de pets e poderia trazer uma vasta rede de contratos profissionais. E existe também a prima de Ana, Carla, que tem bastante energia, mas nunca trabalhou. Ela não sabe nada sobre animais ou como começar um negócio, mas imagina que seria ótima nisso. Vamos ajudar Ana a descobrir quem seria o melhor parceiro para seu negócio.

ESTOU PRONTO>>>  Quem seria a melhor parceria para a nova empresa de papagaios da Ana?
1 – Pablo, o treinador de papagaios sem experiências de negócios.
2 – Gabriela, a treinadora de furões que tem vários contatos.
3 – Carla, que nunca teve um trabalho.

Resposta: Muito bem se você respondeu 2 Gabriela

Ana deveria fazer parceria com Gabriela, cuja experiência e contatos seriam grandes estratégias para o novo negócio. As habilidades de Pablo não adicionariam muito mais ao que Ana já detém, enquanto Carla pode ter energia, mas não traz muito mais à operação.

Nos negócios, duas cabeças pensam melhor que uma. É simples matemática. Como uma equipe, Ana e Gabriela podem compartilhar a carga de trabalho e podem fazer duas vezes mais. Eles também vão se beneficiar do poder da colaboração. É difícil ser criativo e inovador sozinho. Ter outra pessoa contribuindo com pensamentos e dando feedback gera melhores resultados e ideias mais elaboradas.

Parceiros de negócios são especialmente válidos quando eles trazem habilidades complementares que você não tem. Ana conhece papagaios, mas não a área de negócios relacionados a animais. Gabriela tem muita experiência no setor e pode ajuda-la a superar esses desafios.


Ética nos Negócios. Leis e Práticas que Orientam as Organizações no Relacionamento com os Seus Parceiros

Além disso, Gabriela conhece furões, uma habilidade única que Ana não tem. Então, para fazer a parceria delas mais dinâmica, as duas decidiram combinar seus conhecimentos e começar a Papagaios e Furões, uma empresa que cria, treina e vende ambos os tipos de animais.

Por causa da sua experiência, Gabriela também tem contatos na área. Suas conexões podem ajudar com o marketing, os investimentos, as contratações, ou quaisquer outros aspectos do negócio que requerem algo além das habilidades e recursos que estão imediatamente disponíveis.

FIQUE ATENTO: Encontrar um parceiro que completa suas habilidades pode adicionar o benefício de fornecer aos investidores em potencial mais confiança no seu negócio. Isto é especialmente verdade para alguém como Ana, já que ela nunca começou ou fez parte de uma empresa antes.

Para encontrar o parceiro certo de negócios, faça uma lista de candidatos em potencial e pergunte a si mesmo algumas questões importantes sobre cada um.

Primeiro, se pergunte se ele é alguém que você gostaria de ter por perto. Você não precisa ser melhor amigo do seu parceiro, mas vai passar bastante tempo com ele, então vocês devem ao mesmo ter um bom relacionamento profissional. Segundo, questione-se se são alguém em quem você confia. Você vai estar legalmente ligado a essa pessoa, então é vital que você acredite nas habilidades e no comprometimento deles com o sucesso em comum.

Em seguida, pense sobre como você gosta de trabalhar. A Abordagem de trabalho do seu parceiro em potencial combina com a sua? Talvez Ana goste de chegar tarde e queira treinar papagaios e furões em um estilo mais casual. Mas Gabriela madrugar no trabalho e tem um método mais voltado para a disciplina. Isso poderia gerar conflitos. Ter diferentes estilos de trabalho não representa necessariamente um obstáculo intransponível, mas significa que vocês precisam reconhecer a abordagem de cada um e conversar sobre como podem trabalhar melhor juntos.

Conseguir se comunicar efetivamente e trabalhar as diferenças é uma parte essencial de uma boa parceria. Antes de escolher um parceiro, você precisa considerar como ele lida com conflitos e se o modo de comunicação dele vai combinar com o seu. Discordâncias são inevitáveis, então você precisa de alguém aberto ao diálogo honesto e comprometido. Nenhum de vocês deve ficar com medo de fornecer um feedback ou desafiar as ideias do outro.

Você pode gostar e confiar em alguém, assim como trabalhar e comunicar-se bem com ele, mas isso não vai os levar ao sucesso se suas visões de negócios não estiverem em sincronia. Você e seu parceiro devem ter uma imagem similar do que é sucesso para vocês e como chegarão lá. Se vocês não estão trabalhando juntos para alcançar os mesmos objetivos, não há propósito em ter um parceiro. Por exemplo, se Ana quer focar totalmente em papagaios e furões, mas Gabriela quer expandir para cachorros, gatos e outros animais, isso é um conflito que pode minar a parceira dela. Também é importante que ambas tragam um nível similar de paixão e entusiasmo para o trabalho. Se Ana se importa com a criação e treinamento saudável de animais, mas Gabriela quer apenas fazer dinheiro, elas vão entrar em conflito.

Quanto você encontrar pessoas que compartilham da sua visão e com quem você trabalhe bem, faça sua lição de casa e aprenda mais sobre eles. Eles começaram uma empresa antes? Se sim, como se saíram? E como as pessoas que trabalharam com eles se sentiam a respeito deles e do trabalho que fizeram?

Pergunte a outras pessoas que trabalharam com eles (como outros parceiros, clientes e colaboradores) sobre a personalidade deles, seus estilos de trabalho, suas habilidades e suas fraquezas. Existem pessoas que não gostam deles? Se sim, descubra o porquê.

Não vai fazer mal checar a presença on-line deles também. Pesquise e veja o que aparece. Busque nas redes sociais deles, para ver se há algo que cause receio em você sobre a maneira como eles se apresentam em público.

Uma vez definido o parceiro, vocês precisam concordar em temas importantes como os termos financeiros da parceria. Confiança é essencial, mas é importante colocar sua concordância em papel. Considere elementos como a maneira como os lucros serão distribuídos, como o investimento será usado e como a propriedade da companhia será estruturada. Além disso, pense sobre como os investimentos e ações entre as partes serão divididos e o que vai acontecer se um de vocês deixarem a companhia. Existe muito para se pensar a respeito, então considere consultar um advogado antes de assinar qualquer coisa. Ele pode orientá-los sobre as implicações legais da parceria, então todo mundo vai estar na mesma página.

VAMOS FAZER AGORAAcredito que você tenha parceiros em potencial em mente. Para ajuda-lo a pensar sobre quão compatíveis eles são, vamos auxiliar você a restringir suas preferências de trabalho e habilidades.

PARECE BOM>>> Cite um adjetivo que descreve seu ambiente de trabalho ideal. R. descontraído
Cite outro adjetivo que descreva seu ambiente de trabalho ideal. R. casual
Qual é a característica que você não quer que seu parceiro tenha? R. agressivo
Qual é a habilidade única que você traz para sua empresa? R. Treinar papagaios
Em que você deseja que seu parceiro seja ótimo? R. operar uma empresa

Aqui está sua declaração inicial de parceiro de negócios:
Meu ambiente de trabalho ideal é descontraído e casual. Eu não quero um parceiro agressivo. Eu sou ótima em treinar papagaios e quero um parceiro que complemente isso sendo ótimo em operar uma empresa.

Por Jorge Cavalcante power by: Time Primer

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *