Os desafios de começar um novo negócio

Tempo de leitura: 4 minutos

Esta é a segunda lição da série: 3 dicas para lançar um negócio duradouro.
Vamos responder:
Por que pode ser estressante começar uma empresa?
Por que é importante aprender como enfrentar a fadiga enquanto inicio meu negócio?
Quais são os passos que eu posso seguir para enfrentar a fadiga?

Vamos dizer que sua amiga tem um importante baile para comparecer em seis meses. Ela quer parecer e se sentir maravilhosa para o evento. Então ela decide que vai entrar em forma agora. Ela quer apoio moral, então pergunta se você quer acompanhá-la na academia. Você concorda e a acompanha no primeiro dia. Ela está animada e cheia de energia. Ela não sabe como ou por onde começar, então ela pede seus conselhos. Basicamente, ela quer que você seja o personal trainer gratuito dela. Que tipo de treinamento você deve escolher para ela?

VAMOS DESCOBRIR?
Isto ou aquilo? Qual é a melhor maneira para sua amiga alcançar seus objetivos fitness a longo prazo?

1 – Aproveite o nível de energia dela e faça-a levantar o peso mais pesado que pode encontrar repetidamente. Em seguida, ela corre na velocidade máxima da esteira até cair – a ponto de mal conseguir se mexer na manhã seguinte.
2 – Malhar em ritmo constante e, gradualmente, aumentar o volume que ela pode levantar, a distância e a velocidade que ela corre.

Se você concordar comigo, será o número 2: Devagar e constante se vai ao longe, como dizem. Se construir a força dela gradualmente e manter seus exercícios em um ritmo racional, ela terá melhor chance de alcançar seu objetivo de seis meses.

Quando você está começando uma nova empresa, às vezes, pode parecer como se você estivesse em um treino exagerado na academia. É fácil correr sozinho e fatigar a si mesmo ao ponto de não conseguir funcionar normalmente e operar sua empresa efetivamente. Isso porque, vamos encarar, começar uma empresa pode ser incrivelmente estressante. Você pode pensar sobre sua ideia de negócio, como executá-la, investir, financiar, gastos, vendas marketing, etc., etc., etc., infinitamente… Além disso, sua nova empresa está, frequentemente, conectada profundamente aos seus sonhos e suas paixões. Então, o sucesso ou fracasso dela pode ter grande efeito na sua mente. Dito isto, existe alguns passos para você se preparar para o estresse emocional, pessoal e físico que vem junto com o início de um negócio; – bem como ajudá=lo a encontrar mais energia e otimismo.

O primeiro passo é ter certeza de que as pessoas que não estão envolvidas na sua empresa a compreendem. Ajude sua família e amigos a apreciarem o que você está fazendo e por que está fazendo. Por exemplo, Flora disse à família e aos amigos que ela ama arte então ela está começando uma galeria de arte que vai trazer arte rentável e acessível para sua comunidade. Em seguida, diga a eles como você gerencia sua empresa a cada dia e como isso afeta você. Flora diz à família e aos amigos que ela acorda às 5h para falar com negociantes internacionais, gerencia a galeria até as 19h da noite, e trabalha em planos de marketing até as 21h. Quando a família e amigos entendem o que você está fazendo, é mais fácil serem empáticos e saberem como apoiar você. Também te ajuda a perceber que não está sozinho e que há pessoas em quem pode confiar.

Outro jeito de enfrentar a fadiga é fazer intervalos. Isso pode soar óbvio, mas donos de empresas, frequentemente, se exaurem trabalhando 24h por dia. Organize tempo em seu dia, semana, mês e ano para olhar para trás, relaxar e recarregar. Isso não significa que você precise tirar férias caras mergulhando com baleias albinas raras. – pode simplesmente significar que você está fazendo algo que não é trabalho. Você pode reservar meia hora poe dia para jantar ou ler um livro, ou tirar um dia para visitar um parque com sua família, ou ir ao cinema com amigos uma vez por mês. Quando você retornar ao trabalho, depois das suas pausas planejadas, vai fazer tudo com mais energia, paixão, entusiasmo e foco.

#DICA: Você também pode encontrar suporte em outros donos de empresa. Busque por comunidades locais ou on-line, como, em que as pessoas falam sobre ter uma pequena empresa, e compartilhar seus conselhos, aprendizados e desafios.

Organizar-se desde o início também pode tirar um grande peso dos seus ombros. Tire os detalhes importantes da sua empresa da cabeça e coloque em um documento. Mantenha um registro da sua verba, anote suas despesas, use um sistema de gerenciamento de clientes CRM, e organize sua caixa de e-mail. Não sinta que precisa fazer tudo isso manualmente, também. Existe uma variedade de ferramentas que podem ajudá-lo a se organizar, já falamos de vários na primeira lição desta série. Por exemplo, softwares como o QuickBooks podem automaticamente registar e organizar suas vendas e despesas.

Você pode também adotar medidas para manter seus deveres do dia a dia sob controle e funcionando bem. Estabeleça um horário flexível que te dê tempo suficiente para finalizar suas tarefas e produzir orientações para seu dia e semana. Em vez de adivinhar quando terá tempo para fazer algo, decida que fará isso às 12h30 toda noite de quarta feira. Além disso, desenvolva processos. Encontre maneiras efetivas de finalizar tarefas e escrevê-las, então você não estará começando repentinamente o tempo todo. Por exemplo, crie um fallow up padrão de e-mail que você enviará para novos clientes ou um template para posts e blogs. Se você está trabalhando com pessoas, não tenha medo de delegar. Se está preocupado que as outras pessoas não vão saber como completar certas tarefas ou responsabilidades, escreva os processos para eles.

Finalmente, aprenda a dizer não. Começar um pequeno negócio, geralmente, significa captar todos os clientes que poder ou trabalhar por si mesmo. Dizer “não” pode significar um pouco menos de dinheiro, mas dará a você a energia que precisa para fazer seu trabalho.

VAMOS FAZER AGORA: A última coisa que nós queremos é que você se estresse para lembrar todas as informações desta lição. Então, nós vamos ajudá-lo a criar uma lista sobre o que fazer para enfrentar a fadiga.
> Eduque seus amigos e família sobre sua empresa e o que você faz;
> Programe intervalos para relaxar e recarregar;
> Encontre suporte de outros donos de empresa;
> Habitue-se a escrever as informações da sua empresa e a se manter organizado;
> Defina horários;
> desenvolva e escreva processos;
> Descubra que tarefas pode delegar a outras pessoas;
> Faça uma lista do que é possível dizer NÃO.

Faça tudo isso e seu próximo passo é respirar fundo, das a si mesmo um mini-break, e apreciar que você pode passar alguns minutos hoje aprendendo como se manter animado e otimista.

Por Ramon Ray, empresário e palestrante Power By Time Primer

Agora corra para a terceira dica, a última desta série: Comece Pequeno e Cresça
E se você ainda não viu a primeira dica, veja aqui: Definindo Verbas para Pequenas Empresas

#DICA de leitura: Seja Um Empreendedor de Sucesso!: Como iniciar um negócio

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *